Foi preso após divulgar vídeo caseiro com a ex

brunofrederico_4

Bruno Frederico, de 38 anos, descobriu que a namorada o andava a trair e vingou-se de forma cruel. Após a agredir com bofetadas na cara, roubou-lhe o telemóvel e ameaçou que iria divulgar os vídeos caseiros que tinham filmado. Pouco tempo depois, cumpriu o prometido…

Nova página de Facebook d’O Homem Invisível. Clique aqui

Bruno foi preso e condenado pelo Tribunal de Setúbal a três anos e nove meses de prisão efetiva, sendo a primeira vez que tal acontece em Portugal para este tipo de crime. Juntamente com a pena de prisão, terá ainda de pagar uma indemnização à ex-namorada de 75 mil euros.

Bruno divulgou os vídeos com a ex em mais de 20 sites, criando ainda um perfil falso no “Facebook”, onde se fazia passar pela jovem e marcava encontros sexuais. Outra das vinganças, foi partilhar vários vídeos no “Facebook” da empresa onde a ex-namorada trabalhava. Agora, foi acusado e condenado pelos crimes de devassa da vida privada, posse de arma proibida, violência doméstica e falsidade informática.

Comentar

Comentários